img

Como combater a lagarta da couve

/
/
/

Artigo adaptado  da Circular nº 12 de 2019, da Estação de Avisos de Entre Douro e Minho.

O 1º voo desta praga está a decorrer.
A lagarta da couve pode causar prejuízos assinaláveis nas plantas, sobretudo nas plantações recentes.
De ora em diante, deve dar especial atenção aos viveiros e alfobres. Em hortas familiares, podem retirar-se as folhas com ovos ou com lagartas ou retirar ovos e lagartas, evitando o recurso a inseticidas.
Em explorações de maiores dimensões, destinadas a venda de planta ou a produção emmaior escala, podem ser aplicados inseticidas diversos homologados, quando se justifique (por exemplo, CIFLUMAX, CYTHRIN 10 EC, DECIS, DECIS EXPERT, STEWARD, KARATE ZEON, KARATE +,JUDO, ATLAS, NINJA with ZEON technology, etc.. ).

No Modo de Produção Biológico estão autorizados inseticidas à base de azadiractina (ALIGN, FORTUNE ASA) e de Bacillus thuringiensis (PRESA, SEQURA, TUREX).

Esta circular, bem como edições anteriores, pode também ser consultada e descarregada em:

1 – www.drapn.pt

Fitossanidade > Avisos Agrícolas > Entre Douro e Minho

2 –  http://snaa.dgav.pt/

estações de avisos > Estação de Avisos de Entre Douro e Minho.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This div height required for enabling the sticky sidebar