1º Passo: Escolher o sistema mais indicado para si

Ao criar o seu próprio sistema de cultivo em hidroponia, a primeira pergunta que deve colocar é “Qual os sitema indicado para o meu cultivo?”. Existem seis principais tipos de sistemas e pode ler tudo sobre eles neste artigo. No entanto, o mais comum e que iremos exemplificar neste artigo é o sistema NFT.

2º Passo: Recolher o material necessário e montar o seu sistema!

Para o sistema NFT precisará do seguinte material:

  1. Um depósitio de água

O depósito de água deverá ser coberto, pois irá conter a solução nutritiva e é conveniente que seja opaco à luz para evitar a formação de algas.

  • Uma bomba de água

A bomba de água deve ser adequada à pressão necessária para garantir que a solução nutritiva chega ao ponto mais elevado do sistema. Neste exemplo usámos uma bomba de água NEPTUNE NH-1000, que tem uma altura máxima de 1.60m.

  • Uma estrutura

Existem vários tipos de estrutura dependendo da configuração que pretende dar ao seu sistema. Aqui pode encontrar alguns exemplos :

Sistema NFTconfiguração horizontal Sistema NFT tipo coliseu Sistema NFT tipo cascata



A configuração horizontal é a mais simples em termos de estrutura, pois só precisará de apoios nas duas extremidades que suportem bem as calhas, como por exemplo dois cavaletes.

Dica: O lado das calhas onde é introduzida a solução nutritiva deve estar mais elevado que o lado por onde sai a solução nutritiva de forma a que a solução corra pelo efeito da gravidade. A diferença de alturas entre as extremidades das calhas deverá depender do comprimento das mesmas, no entanto aconselha-se a que haja pelo menos 2 cm por cada metro de calha.

As configurações de cascata e de coliseu implicam uma estrutura mais complexa e caso não consiga montar a sua própria, o mais aconselhado é encomendar uma junto de lojas especializadas.

  • Calhas perfuradas

Neste exemplo, iremos utilizar um sistema NFT cascata para o cultivo da alface, assim vamos precisar:

  • 4 calhas perfuradas
  • 8 respectivas tampas laterais

Cada calha terá 4 furos correspondentes a 4 alfaces e, portanto, poderemos cultivar um total de 16 alfaces em simultâneo com este sistema.

  • Vasos de rede

Para facilitar a inserção das mudas, e a remoção das alfaces depois de atingirem o estado de maturação, é vantajoso utilizar vasos de rede.





  • Tubagem e acessórios

Material de tubagem para este exemplo:

  • Tubagem 16 mm
  • 2 uniões em L  16 mm
  • 4 pedaços de tubo PVC para união das calhas

Depois de recolhido todo o material pode dar início à montagem do seu sistema:
> Comece por estabilizar as calhas NFT na estrutura escolhida. Neste caso, fixe as 4 calhas NFT na estrutura, incluindo as 3 peças de tubagem PVC que unem os diferentes andares da cascata.

> Depois da estrutura principal montada, instale a tubagem. Para isso, coloque o depósito na sua posição e coloque a bomba dentro do depósito. Com uma fita métrica, meça o comprimento de tubagem que irá necessitar, corte e monte com os respectivos cotovelos a tubagem para que encaixe no ponto de entrada da solução nutritiva.

> Montagem da tubagem à bomba e fixação da tubagem ao sistema.

3º Passo: Comece o seu cultivo!

Para iniciar o seu cultivo, resta agora preparar a solução nutritiva e tranplantar as mudas.

Em relação à solução nutritiva, os fornecedores de nutrientes têm habitualmente tabelas para consulta em que é indicada a porporção de cada formulação para cada litro de água.

Nesta experiência, utilizámos os nutrientes da General Hydroponics Europe (GHE) TriPart® (Flora Series), que pode obter na loja ecocenter e para os quais o fornecedor disponibiliza a seguinte tabela:

Nutriente Concentração
FloraGro 1.8 mL/L
FloraMicro 1.2 mL/L
FloraBloom 0.6 mL/L

Assim, caso tenhamos um depósito de 30L, deveremos enchê-lo com água e posteriormente adicionar:

1.8 x 30 = 54 mL de FloraGro

1.2 x 30 = 36 mL de Flora Micro

0.6 x 30 = 18 mL de Flora Bloom

Finalizamos assim a preparação da solução nutritiva! Resta-nos apenas transplantar as mudas e ligar o sistema.

Para o transplante das mudas, deve ter em consideração o seguinte:

Caso tenham sido cultivadas em hidroponia, o processo é muito simples. Basta colocá-las no vaso de rede e ligar o seu sistema.

Caso estejam em solo, deverá retirá-las do tabuleiro e humedecer as raízes (sem encharcar) de forma a conseguir soltá-las um pouco, eliminar o máximo de solo possível e de seguida colocá-las nos vasos de rede do sistema.

Agora sim! Estamos prontos a ligar a bomba.

4º Passo: Monitorizar e Corrigir

Depois de ter o seu sistema em funcionamento, é conveniente que vá dando uma vista de olhos para garantir que o cultivo corre bem até ao fim.

Existem 2 variáveis que devem ser monitorizadas em qualquer cultivo em hidroponia: a electroconductividade (EC) e o pH, estas variáveis são controladas através de medidores de pH e medidores de EC.

 Exemplo de um medidor de EC

Mas que valores deve manter? Para este cultivo, deverá manter 1.3 < EC <1.8 e 5.8 < pH < 7.0.

O que fazer quando obtém valores fora destes intervalos? Caso a EC esteja abaixo dos valores indicados, deverá juntar mais nutrientes nas mesmas proporções e caso esteja acima deverá corrigir adicionando água. Caso o pH esteja fora do valor indicado poderá corrigi-lo adicionando pH UP ou pH DOWN consoante o seu problema.

Estas medições regulares irão garantir a saúde da sua cultura durante todo o cultivo.

5º Passo: Colheita e Limpeza

Quando as suas alfaces estiverem prontas poderá retirar os vasos de rede do sistema e aproveitar para saborear o fruto dos seus cultivos.

Dica: Se deixar a alface com raíz esta durará mais tempo após a colheita.

Para limpar o sistema, deverá fazer passar uma solução de água e água oxigenada ou água e FloraKleen. Agora o seu sistema está pronto para o próximo cultivo.

Esperamos que tenha sido útil e bons cultivos 😊

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here