•       Portugal Fresh organiza participação conjunta das empresas nacionais na Fruit Logistica, em Berlim, entre 5 a 7 de abril.

•       Numa altura em que os produtores se confrontam com uma escalada dos preços, promoção internacional contribui para a valorização dos seus produtos.

22 de março de 2022 – A Portugal Fresh regressa a Berlim, entre 5 a 7 de abril, para promover as frutas e legumes portugueses e marca presença na Fruit Logistica, a maior feira empresarial do setor. No total, cerca de 30 empresas, associações e parceiros marcam presença no evento, ocupando cerca de 300 metros quadrados.

Numa altura em que os produtores se confrontam com uma escalada dos preços da energia, combustíveis e matérias-primas, a Portugal Fresh acredita que a promoção internacional assume maior relevância e pode contribuir para a valorização dos produtos nos mercados externos.

O setor das frutas, legumes e flores vale 3841 milhões de euros (um crescimento de 17% face a 2020) e representa cerca de 40% de todo o setor agrícola. Em 2021 as exportações destes produtos ultrapassaram pela primeira vez a barreira dos 1700 milhões de euros (1731 milhões de euros), atingindo o valor mais alto de sempre.

A tendência de crescimento do valor das exportações mantém-se há dez anos consecutivos, fruto também de uma estratégia bem definida de promoção internacional.

“Regressamos a Berlim num contexto difícil. Estamos ainda em pandemia, vivemos os efeitos da seca e assistimos à escalada do conflito na Ucrânia. Neste momento é mais importante do que nunca defender a distribuição equilibrada do valor na cadeia alimentar. Os produtores devem ser justamente remunerados pelo seu trabalho. As sucessivas participações da Portugal Fresh em certames internacionais nos últimos dez anos ajudaram as empresas portuguesas a crescer no mercado externo e a valorizar mais a sua produção. Assim, face à escalada de preços dos fatores de produção, valorizar o que produzimos fora de Portugal é também uma forma de aumentar o valor dos nossos produtos”, afirma Gonçalo Santos Andrade, presidente da Portugal Fresh.

A associação defende que o Governo deve atualizar o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) tendo em conta a nova realidade. Os apoios devem responder às reais necessidades das empresas e atenuar os graves efeitos que já se refletem na atividade dos produtores.



A participação da Portugal Fresh é realizada no âmbito do Projeto Conjunto de Internacionalização 2022/2023 apoiado pelo Portugal 2020 – Programa Operacional Competitividade e Internacionalização. Prevê um investimento global de 948.900,85€ euros, financiado em 54% pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Sobre a Portugal Fresh

A Portugal Fresh – Associação para a Promoção das Frutas, Legumes e Flores de Portugal tem 87 sócios que representam mais de 4500 produtores portugueses. Criada em dezembro de 2010, a sua missão é valorizar a origem “Portugal” e as características dos produtos nacionais, para além de promover as frutas, legumes e flores nos mercados interno e externo. Saiba mais em www.portugalfresh.org