Terça-feira, Maio 21, 2024

Universidade de Coimbra realiza processo de eliminação de resíduos laboratoriais acumulados há décadas

A Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC), em colaboração com a Reitoria da UC e a Divisão de Manutenção, Ambiente e Segurança (DMAS), realizou um processo de eliminação de resíduos laboratoriais acumulados há já várias décadas.

A intervenção foi realizada por uma equipa especializada nos departamentos de Química e de Ciências da Vida, no Pólo I. No Pólo II, está ainda a decorrer este processo no Departamento de Engenharia Química e deverá ficar concluído até ao final deste ano.

`Trata-se de um momento histórico para a FCTUC e para a UC, em particular no seu percurso em prol da sustentabilidade. Para além das óbvias vantagens no que respeita à proteção ambiental e das condições de segurança no trabalho, irá permitir a libertação de alguns espaços que poderão ser dedicados a outros fins», considera Edgar Mendes, engenheiro da DMAS.

Resíduos de diversas tipologias, substâncias químicas que resultam de reagentes, substâncias envolvidas em misturas e processo químicos, que sobraram e ficaram em tempo de residência para se observar os comportamentos dos compostos, são alguns dos grandes passivos agora retirados dos departamentos da FCTUC. Apesar do período de tempo em que estes resíduos permaneceram nas instalações da Faculdade, muitos deles ali deixados por não poderem ser expedidos, foram sempre cumpridas as condições de seguranças.

«Livrarmo-nos de um passivo ambiental e de produtos químicos que já não são comercializados e são perigosos para o meio ambiente e para as pessoas é fundamental, além de libertarmos os espaços para depois podermos dar-lhes outra utilização», conclui o subdiretor da FCTUC, Fernando Pedro Figueiredo.

Neste processo estiveram envolvidos o Engenheiro Edgar Mendes, Elsa Rodrigues, investigadora do DCV, Simone Ferreira, investigadora do DQ, Alberto Canelas Pais, diretor do DQ, Jorge Marques, subdiretor do DQ, Miguel Pardal e Paulo Santos, diretor e subdiretor do DCV, respetivamente.

acientistaagricola
acientistaagricolahttp://acientistaagricola.pt
Olá, sou a Rosa. Nasci e cresci em meio rural e desde cedo percebi o que queria fazer para o resto da vida. Mais tarde, quando entrei no ensino superior tornei-me Técnica Superior do Ambiente e Agrónoma, áreas que sempre me fascinaram. Este blog é mais do que um projecto pessoal...é  o culminar de duas paixões: a escrita e as ciências ambientais e agrárias. Este é um local de encontro entre todos aqueles que partilham destas mesmas paixões. 

Related Articles

Queres receber as nossas newsletters?

Preencha os campos abaixo para se inscrever.

* ao clicar em "inscrever", está a aceitar as nossas condições de marketing.
- Publicidade -spot_img
spot_img

Últimos artigos