Destaques

Nutri-score: novo semáforo alimentar considera um refrigerante zero açúcar mais saudável que o azeite

Fonte do artigo: Agricultura e Mar

O Nutri-Score, rótulo que classifica os produtos alimentares mais e menos saudáveis, conferindo-lhes uma letra com um código, do verde escuro (A) ao vermelho escuro (E), está a gerar polémica entre os agricultores europeus. Depois dos produtores italianos de azeite protestarem esta classificação, é a vez dos produtores espanhóis dizerem não. E estes últimos contam mesmo com o apoio do governo, que recusa a classificação “C” para o azeite, apesar de apoiar o sistema de rotulagem.

Os protestos surgem numa altura em que, no passado dia 12 de Fevereiro, sete países europeus, através de um Mecanismo de Coordenação Translacional, se comprometeram a facilitar a implantação do Nutri-Score: Bélgica, França, Alemanha, Luxemburgo, Países Baixos, Espanha (que deixa o azeite de fora desta rotulagem) e Suíça.

Actualmente, os Estados-membros da União Europeia apenas podem recomendar às marcas que etiquetem os seus produtos com o Nutri-score. Mas, ditar a sua obrigatoriedade está nas mãos de Bruxelas, o que se prevê que poderá acontecer a partir de 2022.

Refrigerante e ketchup mais saudáveis que o azeite?

Perante tantas vozes contra este sistema de rotulagem, o agriculturaemar.com consultou o Open Food Facts, que reúne dados e informação sobre produtos alimentares de todo o Mundo, classificados pelo Nutri-score.

Resultado: há um azeite português classificado com a letra “D”, a menos saudável da escala, apesar de todos os outros estarem classificados com “C”, ainda assim, uma classificação inferior à de refrigerantes com zero açúcar que merece a letra “B”, ou à de uma embalagem de pudim de caramelo, com a letra “A”, a classificação mais saudável. Também a manteiga de amendoim é classificada com a letra “A”. Até a Fanta de uva está melhor colocada que o azeite, com a letra “B”.

O sistema Nutri-score considera o azeite (letra “C”) tão saudável quanto um pacote de batatas fritas light, uma embalagem de lasanha congelada, uma pizza congelada, uma embalagem de ketchup com menos 50% de açúcar e sal, uma lata de refrigerante com gás de laranja, ou uma embalagem de sopa em pó.

Exemplos retirados da página de Internet da Open Food Facts

Nutri-Score

O Nutri-Score é um sistema de rotulagem com código de cores afixado na frente da embalagem, que caracteriza o valor nutricional de alimentos e bebidas. Tem como objectivo orientar os consumidores para escolhas alimentares mais saudáveis, além de recomendações dietéticas, e incentivar os fabricantes a melhorar a qualidade nutricional da oferta alimentar.

A comissão científica que o elaborou o sistema, garante que este “foi validado por inúmeros estudos científicos,  demonstrando sua eficácia em discriminar o valor nutricional de produtos em vários países europeus. Como os sistemas de rotulagem nutricional específicos para certos nutrientes são geralmente mal compreendidos pelos consumidores”.

O algoritmo — a formula matemática criada para atribuir a classificação de cada alimento — do sistema nutricional Nutri-score etiqueta os alimentos em cinco categorias diferentes segundo a sua composição e considera como como pouco saudáveis os alimentos que tenham calorias, gorduras ou açúcar, e como alimento saudável, a fibra, proteína e verduras.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Adblock Detectado

Por favor, considere apoiar o nosso site desligando o seu ad blocker.