Domingo, Março 3, 2024

ūüĆŅūüĒćO que √© Bokashi e como utiliz√°-lo na horta: um guia completo ūü•ēūüďē

Se você é um entusiasta da jardinagem, provavelmente já ouviu falar do bokashi. Mas o que exatamente é o bokashi e como você pode usá-lo em sua horta? Neste guia completo, você aprenderá tudo sobre o bokashi, desde o que é até como utilizá-lo para enriquecer o solo e promover o crescimento saudável de suas plantas.

Introdução à compostagem Bokashi: o que é?

O Bokashi √© uma t√©cnica de compostagem origin√°ria do Jap√£o que utiliza microorganismos eficientes para fermentar res√≠duos org√Ęnicos. Este m√©todo de reciclagem transforma “restos” alimentares, cascas de frutas e vegetais, e outros materiais, em adubo rico em nutrientes para as plantas. O processo de fermenta√ß√£o do Bokashi promove a decomposi√ß√£o dos res√≠duos em part√≠culas menores, facilitando assim a absor√ß√£o dos nutrientes pelas ra√≠zes das plantas. Para al√©m disso, o Bokashi ajuda tamb√©m a melhorar a estrutura do solo e aumentar a sua capacidade de reten√ß√£o de √°gua e nutrientes.O Bokashi representa uma forma sustent√°vel e eficiente de fazer compostagem de res√≠duos org√Ęnicos. Contrariamente √† compostagem tradicional, que depende da decomposi√ß√£o aer√≥bica, o Bokashi recorre a microorganismos eficientes que fermentam os res√≠duos atrav√©s de um processo anaer√≥bio. Isto quer dizer que o Bokashi pode ser realizado em qualquer local, at√© mesmo em espa√ßos pequenos onde o¬† acesso ao oxig√©nio n√£o √© poss√≠vel.O Bokashi pode ser utilizado na horta como adubo, melhorando a qualidade do solo e fornecendo nutrientes vitais para as plantas. Adicionalmente, o Bokashi pode ajudar tamb√©m a controlar odores e a diminuir a quantidade de res√≠duos org√Ęnicos que seriam colocados no lixo.

bokashi como fazer
Fonte da imagem: Treehugger, dispon√≠vel em: https://www.treehugger.com/thmb/sYNPNY0ESJm-3NqYIEz1xt7g4yw=/1500×0/filters:no_upscale():max_bytes(150000):strip_icc()/a-young-person-is-composting-kitchen-scraps-in-a-plastic-container-1211712769-c13cf13fff184a4f91e4ab829395c215.jpg

Como é que a compostagem Bokashi funciona?

O composto Bokashi actua, tal como escrito anteriormente, atrav√©s do processo de fermenta√ß√£o anaer√≥bica. O processo inicia quando os res√≠duos org√Ęnicos s√£o combinados com um inoculante de bact√©rias anaer√≥bicas, como por exemplo como farelo de arroz ou farelo de trigo fermentado, dando-se assim¬† a fermenta√ß√£o dos res√≠duos. No decorrer da fermenta√ß√£o, as bact√©rias anaer√≥bicas decomp√Ķem os res√≠duos num compostos simples e libertam nutrientes cruciais para as plantas. Este processo produz tamb√©m √°cidos org√Ęnicos que se caracterizam por ajudar a equilibrar o pH do solo e a suprir o crescimento de organismos nocivos, tais como fungos e bact√©rias patog√©nicas.

O produto final √© um composto altamente nutritivo e repleto de microorganismos ben√©ficos, que promove o crescimento saud√°vel das plantas e potencia a fertilidade do solo. O Bokashi tem ainda a capacidade de acelerar a decomposi√ß√£o de material org√Ęnico, reduzindo assim o tempo necess√°rio para a produ√ß√£o deste composto, em compara√ß√£o com m√©todos tradicionais.

Ainda mais importante, a utilização de Bokashi ajuda a minimizar a quantidade de resíduos que se destinariam aos  aterros sanitários, contribuindo assim para a redução do impacto ambiental. A incorporação do composto Bokashi no  jardim ou horta não só fornece uma fonte rica de nutrientes para as suas plantas, mas também contribui para um estilo de vida mais sustentável e amigável do meio ambiente.

Benefícios da utilização deste composto no teu jardim

A utilização do composto Bokashi oferece uma série de vantagens para o seu jardim. Em primeiro lugar, o Bokashi ajuda a potenciar a fertilidade do solo. Os nutrientes que se encontram no composto são facilmente absorvidos pelas plantas, o que resulta num crescimento mais rápido e saudável. Para além disso, o Bokashi melhora a estrutura do solo, tornando-o mais fofo e permeável, o que facilita o desenvolvimento das raízes.

Outra mais-valia é a capacidade do Bokashi de suprir o crescimento de plantas infestantes. As bactérias anaeróbias presentes no composto competem com as plantas infestantes pelos nutrientes, reduzindo a sua capacidade de crescimento e propagação. Ademais, o Bokashi também ajuda a conservar a humidade do solo, diminuindo a necessidade de regas frequentes.

Por fim, a utiliza√ß√£o do composto Bokashi na jardinagem √© uma forma de diminuir a quantidade de res√≠duos que acabam nos aterros sanit√°rios. Em vez de deitar fora restos de comida e outros res√≠duos org√Ęnicos, pode transform√°-los num composto valioso que nutre o solo e as plantas. Assim, para al√©m de beneficiar o seu jardim, este composto tamb√©m ajuda a¬† contribuir para a sustentabilidade do planeta.

bokashi
Fonte da imagem: https://bloximages.chicago2.vip.townnews.com/tucson.com/content/tncms/assets/v3/editorial/1/47/147c5378-861f-11ed-9c24-5f85a7200b7e/63ab4bbe78b04.image.jpg?resize=1200%2C800

Guia passo-a-passo para iniciar a compostagem Bokashi

Agora que já sabe o que é o Bokashi e os seus  benefícios, é hora de começar o processo.  Partilho consigo  um guia passo a passo para ajudá-lo(a) a começar o composto Bokashi:

1. Escolha um recipiente adequado: Para fazer o composto Bokashi, precisar√° de um recipiente herm√©tico que possa ser selado. Isto √© importante porque a fermenta√ß√£o anaer√≥bica ocorre na aus√™ncia de oxig√©nio. Existem v√°rios tipos de recipientes dispon√≠veis no mercado, desde baldes especiais at√© caixas de pl√°stico com tampas herm√©ticas. Certifique-se de escolher um recipiente que seja grande o suficiente para conseguir conter os seus res√≠duos org√Ęnicos, mas tamb√©m f√°cil de manusear e limpar.

2. Prepare o inoculante: O pr√≥ximo passo √© preparar o inoculante de bact√©rias anaer√≥bicas. Isto pode ser feito misturando o farelo de arroz ou farelo de trigo fermentado com √°gua. A quantidade de √°gua pode depender, mas geralmente √© uma parte de farelo para cada tr√™s partes de √°gua. Certifique-se de misturar bem o inoculante para garantir que as bact√©rias se espalham uniformemente pelos res√≠duos org√Ęnicos.

3. Comece a adicionar os res√≠duos: Agora √© hora de come√ßar a adicionar os seus res√≠duos org√Ęnicos ao recipiente. Isto pode incluir restos de comida, cascas de frutas e legumes, borras de caf√©, folhas secas e outros materiais org√Ęnicos. Certifique-se de cortar ou triturar os res√≠duos em fragmentos menores, para acelerar o processo de fermenta√ß√£o. √Ä medida que adiciona os res√≠duos, cubra cada camada com uma quantidade generosa de inoculante. Isto ajudar√° a iniciar o processo de fermenta√ß√£o e garantir√° que as bact√©rias anaer√≥bicas estejam presentes em todo o composto.

4. Compacte e sele o recipiente: À medida que adiciona os resíduos e o inoculante, é importante compactar bem o composto. Isto ajudará a remover o ar do recipiente e garantir que a fermentação ocorra adequadamente. Use um socador ou as costas de uma colher para compactar os resíduos. Quando o recipiente estiver cheio, sele-o bem para que fique hermético.

5. Fermenta√ß√£o e cuidados: Agora √© hora de deixar o composto fermentar. Coloque o recipiente num local fresco e escuro, longe da luz solar direta. Durante o processo de fermenta√ß√£o, √© normal que o composto produza um cheiro √°cido e liberte g√°s. Isto √© um sinal de que as bact√©rias est√£o a trabalhar. Verifique o recipiente regularmente para garantir que n√£o haja vazamentos ou odores desagrad√°veis. Se notar algum problema, ajuste a “veda√ß√£o” ou adicione mais inoculante, se necess√°rio.

6. Finalize o composto: O tempo necessário para a fermentação varia, mas geralmente é necessário de  duas a quatro semanas. Durante este período, pode adicionar mais resíduos ao composto, desde que adicione uma camada generosa de inoculante na parte superior deste. Quando o composto estiver completamente fermentado,  ficará com uma cor castanha escura e terá um cheiro suave e fermentado. Nesse ponto,  pode transferir o composto para uma pilha de compostagem ou usá-lo diretamente no seu jardim.

adubo bokashi
Fonte da imagem: https://s2.glbimg.com/A89Z0YYrka6nAmRZAz27HzaTjXQ=/620×480/smart/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2022/07/18/adubo-bokashi.jpg

Resolução de problemas deste tipo de  compostagem

Embora o composto Bokashi seja geralmente um processo simples e eficaz, podem surgir alguns problemas ao longo do percurso. Apresento aqui algumas solu√ß√Ķes para os problemas comuns que podem ser encontrados durante o processo de compostagem Bokashi:

  1. Cheiro desagradável: Se o composto Bokashi estiver a emitir um cheiro desagradável, isto pode indicar que a fermentação não está a ocorrer corretamente. Verifique se o recipiente está bem selado e se não há perdas. Certifique-se também de adicionar uma quantidade adequada de inoculante em cada camada de resíduos.
  2. Mofo ou fungos: Se notar o crescimento de mofo ou fungos no composto Bokashi, pode ser sinal de que há demasiado ar no recipiente. Certifique-se de compactar bem o composto ao adicionar os resíduos e selar bem o recipiente. Se o problema persistir, pode adicionar mais inoculante para ajudar a equilibrar o ambiente anaeróbico.
  3. Falta de fermentação: Se o composto Bokashi não estiver a fermentar corretamente, pode ser que as bactérias anaeróbicas não estejam presentes em quantidade suficiente. Verifique se está a adicionar uma quantidade adequada de inoculante em cada camada de resíduos. Se necessário, pode adicionar mais inoculante ou procurar um novo lote de farelo fermentado.
  4. Res√≠duos n√£o se decomp√Ķem: Se os res√≠duos org√Ęnicos n√£o estiverem a decompor-se no composto Bokashi, isto pode ser um sinal de que a fermenta√ß√£o n√£o est√° a ocorrer corretamente. Verifique se est√° a adicionar uma quantidade adequada de inoculante em cada camada de res√≠duos e se o recipiente est√° bem vedado. Certifique-se tamb√©m de que os res√≠duos est√£o cortados ou triturados em fragmentos menores, para facilitar a decomposi√ß√£o.

 

Como usar o composto no jardim

Agora que possui um composto Bokashi rico em nutrientes, é altura de aproveitar os benefícios no seu jardim. Aqui estão algumas formas de utilizar o composto Bokashi na jardinagem:

  1. Adubação de plantas: O composto Bokashi pode ser adicionado diretamente ao solo como adubo. Basta cavar um buraco perto das raízes das plantas e adicionar uma quantidade generosa de composto. Em seguida, cubra o buraco com terra e regue abundantemente. O composto Bokashi fornecerá nutrientes essenciais às plantas, promovendo um crescimento saudável.
  2. Cobertura do solo: O composto Bokashi também pode ser utilizado como cobertura do solo. Espalhe uma camada fina de composto ao redor das plantas, tendo o cuidado de não cobrir as folhas. A cobertura do solo ajuda a reter a humidade, reduzir o crescimento de plantas infestantes e melhorar a estrutura do solo.
  3. Chá de Bokashi: Outra forma de utilizar o composto Bokashi é através da produção de um chá de Bokashi. Para fazer o chá, adicione uma quantidade de composto Bokashi a um balde de água e deixe em infusão por alguns dias. Em seguida, dilua o chá em água e utilize para regar as plantas. O chá de Bokashi é rico em nutrientes e microrganismos benéficos, proporcionando um impulso extra para o crescimento das plantas.
farelo bokashi
Fonte: MudaTuga, disponível em https://www.mudatuga.com/wp-content/uploads/2022/05/farelo.jpg

Bokashi vs métodos tradicionais de compostagem

A compostagem Bokashi distingue-se significativamente dos métodos tradicionais de compostagem, apresentando cada um as suas vantagens e desvantagens. Aqui estão algumas das principais diferenças:

Processo de Decomposi√ß√£o: A compostagem Bokashi √© um processo de fermenta√ß√£o anaer√≥bia, o que significa que ocorre na aus√™ncia de oxig√©nio. Por outro lado, a compostagem tradicional √© um processo aer√≥bio que requer oxig√©nio para a decomposi√ß√£o dos res√≠duos org√Ęnicos.

Velocidade de Compostagem: O Bokashi é um método de compostagem mais rápido do que o método tradicional. A fermentação do Bokashi pode estar completa em cerca de duas semanas, enquanto a compostagem tradicional pode levar meses.

Tipo de Resíduos: Na compostagem tradicional, alguns materiais, como carnes e laticínios, são geralmente evitados devido à possibilidade de atrair pragas e produzir odores desagradáveis. No entanto, com o Bokashi, esses materiais podem ser incluídos no processo de compostagem.

Manuseio e Espaço: A compostagem Bokashi pode ser feita em recipientes fechados e requer muito pouco espaço, tornando-a adequada para apartamentos e áreas urbanas. A compostagem tradicional, por outro lado, requer um espaço maior e é geralmente realizada ao ar livre.

Saída: A saída do Bokashi não é composto tradicional, mas sim um material pré-compostado que precisa ser enterrado no solo ou numa pilha de compostagem para completar a decomposição. A compostagem tradicional, por outro lado, resulta num solo rico que pode ser aplicado diretamente às plantas.

Odores: O Bokashi tem um odor doce e fermentado, enquanto a compostagem tradicional, quando manuseada corretamente, tem um cheiro terroso.

Ambos os m√©todos t√™m o seu lugar na gest√£o de res√≠duos dom√©sticos e na cria√ß√£o de solo rico para o jardim. A escolha entre um m√©todo ou outro pode depender de fatores como a quantidade de espa√ßo dispon√≠vel, o tempo que est√° disposto a investir no processo e o tipo de res√≠duos org√Ęnicos que¬† tem regularmente dispon√≠veis.

Compostagem BokashiCompostagem Tradicional
DecomposiçãoAnaeróbiaAeróbia
VelocidadeR√°pida (2 semanas)Lenta (v√°rios meses)
ResíduosAceita quase todos, incluindo carne e lacticíniosLimitado, carne e lacticínios geralmente evitados
EspaçoRequer pouco espaço, pode ser feito em interioresRequer mais espaço, geralmente feito ao ar livre
Produto FinalPré-composto que precisa ser enterradoSolo rico pronto para uso direto nas plantas
OdorDoce e fermentadoTerroso

Um projeto que eu recomendo muito seguir sobre este tema é a MudaTuga. Lá vais aprender tudo sobre esta temática.

J√° conhecias o Bokashi?

acientistaagricola
acientistaagricolahttp://acientistaagricola.pt
Ol√°, sou a Rosa. Nasci e cresci em meio rural e desde cedo percebi o que queria fazer para o resto da vida. Mais tarde, quando entrei no ensino superior tornei-me T√©cnica Superior do Ambiente e Agr√≥noma, √°reas que sempre me fascinaram. Este blog √© mais do que um projecto pessoal...√©¬† o culminar de duas paix√Ķes: a escrita e as ci√™ncias ambientais e agr√°rias. Este √© um local de encontro entre todos aqueles que partilham destas mesmas paix√Ķes.¬†

Related Articles

Queres receber as nossas newsletters?

Preencha os campos abaixo para se inscrever.

* ao clicar em "inscrever", est√° a aceitar as nossas condi√ß√Ķes de marketing.
- Publicidade -spot_img
spot_img

√öltimos artigos