O que são adubos organominerais e que fatores deve ter em conta na sua escolha

Reading time: less than 1 minute

Os adubos organominerais têm vindo a revelar-se uma escolha cada vez mais vincada dos produtores agrícolas muito pelo facto exigências ambientais serem crescentes e também pelo facto dos efluentes e resíduos orgânicos serem cada vez mais recolhidos e tratados. Neste novo artigo, venho falar-vos de forma mais completa sobre o que são adubos organominerais e quais os fatores que devem ter em conta para a sua escolha no momento da compra. Por isso, se este tema vos interessa continuem a ler este artigo.

O que são adubos organominerais

A qualidade de um solo de forma a garantir o melhor desempenho das culturas que lá são instaladas depende principalmente das suas características físicas e químicas que podem ser melhoradas através das práticas agrícolas adotadas pelos agricultores.  Um bom exemplo de práticas agrícolas sustentáveis está na aplicação de adubos organominerais.

Os adubos organominerais são obtidos pela mistura de adubos minerais com adubos ou corretivos orgânicos (seguida ou não de granulação). Para que um adubo seja considerado como organomineral é necessário que tenha pelo menos 25% de matéria orgânica na sua composição e uma certa quantidade de teores em macronutrientes (ex: um adubo organomineral NPK tem que ter pelo menos 5% de N total, 1% de N orgânico, 3% de  P205 total, 3% de K20 total e 15% N+P2O5+ K20).

A ação dos adubos organominerais não é apenas de assegurar a nutrição das culturas, mas também de melhorar as condições do solo como por exemplo a atividade biológica do solo que acaba por ser incrementada através da matéria orgânica presente neste tipo de adubos. Os adubos organominerais permitem assim além de um aporte nutricional mineral, um fornecimento de matéria orgânica através das substâncias húmicas presentes na sua constituição. 

Felizmente, o mercado de adubos já tem muitas opções de organominerais disponíveis, sendo a sua forma de comercialização variável principalmente entre adubos organominerais granulados e peletizados.

Quais as vantagens de sua utilização?

O uso de adubos organominerais traz para o produtor agrícola e para as suas culturas uma série de benefícios.

Um dos principais benefícios prende-se sobretudo com o aumento da capacidade de troca catiónica (CTC) de catiões como por exemplo o cálcio (Ca2+), potássio (K+) e o magnésio (Mg2+). Além disso, os adubos organominerais permitem estimular a atividade microbiana do solo que são estimulados através da incorporação de matéria orgânica e neutralizar ainda elementos prejudiciais para as plantas tais com metais pesados. Macronutrientes como o fósforo tornam-se mais disponíveis para as plantas e a capacidade de retenção de água também aumenta muito pelo facto de este tipo de fertilizantes serem também compostos por matéria orgânica.

Os adubos organominerais permitem ainda um maior desenvolvimento radicular e vegetativo e as culturas tornam-se mais resistentes a condições de stress ambiental.

Pelo facto de nos fertilizantes organominerais os nutrientes minerais estarem protegidos por uma camada orgânica, acabam por conferir proteção ao fósforo do contato direto com o solo, minimizando perdas.  Para além desta vantagem, também a camada de matéria orgânica acaba por limitar as perdas de azoto e potássio podendo ser libertados de forma contínua ao longo do ciclo de vida das plantas.

Regra geral, os adubos organominerais podem ser utilizados em todas as culturas acumulando ainda os benefícios da incorporação simultânea da matéria orgânica enriquecida com os elementos minerais.

A aplicação de adubos organominerais

A aplicação de adubos organominerais pode ser feita em momentos distintos desde a preparação do solo, sementeira, fase de transplantação ou adubação de cobertura. A sua aplicação potencializa o aproveitamento dos macronutrientes como azoto, fósforo e potássio reduzindo a procura adubos de síntese. A gama de fertilizantes organominerais da Nutrofertil possui adubos com diferentes formulações consoante as necessidades das suas culturas.

O Fertigranu  Horta 6-4-8 por exemplo é específico para tornar as suas hortas um exemplo de sabor ao mesmo tempo que reforça as defesas das plantas contra pragas e doenças.  Nas culturas hortícolas pode ser distribuído uniformemente no terreno ou nas linhas de cultura e incorporado mecanicamente e manualmente com o solo. Nas culturas perenes pode ser aplicado na cova de plantação e seguido o mesmo procedimento.

As várias formulações do Fertigranu NPK da Nutrofertil possuem diferentes formulações que concentram as vantagens dos adubos orgânicos e os benefícios da adubação mineral.

Outras formulações disponíveis:

Saiba que fatores deve ter em conta para a escolha de um adubo organomineral

São vários os fatores que deve ter em consideração na escolha de um adubo organomineral.  Desde a textura do solo, as exigências das culturas, o pH do solo, solubilidade, condições climáticas, salinidade, entre outros fatores.

Para entender qual o adubo organomineral que vai mais de encontro ao que as suas culturas necessitam é necessário ter em consideração o tipo de culturas que produz e  as condições edafoclimáticas que possui ao seu dispor avaliando posteriormente qual o adubo que tem um melhor custo benefício.

Assim, antes de escolher um determinado adubo organomineral é importante avaliar qual a disponibilidade dos nutrientes no solo através da realização da análise de solo e ter em conta qual a necessidade nutricional especifica das culturas tendo em conta a fase do ciclo de vida em que se encontram.

Deve ter ainda em consideração quais as fontes de adubos próximas da sua localização tendo como finalidade reduzir os custos com transporte e entregas das mesmas.

Entender qual o tipo de formulação mais adequada às culturas que está a produzir é também muito importante de forma a evitar carências nutricionais ou a aplicação de fertilizantes em excesso. Por último e não menos importante, deve ter em consideração que tipo de   alterações ao tipo de solo e ambiente poderão ocorrer após a aplicação deste tipo de adubos de forma a prever os principais efeitos decorrentes da sua aplicação.

Artigo patrocinado pela Nutrofertil*

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.